Polvo em Azeite com Piri-Piri

O polvo é um molusco de carne deliciosa. A sua consistência e textura macia fazem dele um pitéu singular, apenas igual a si mesmo. Propomos uma versão picante do nosso polvo capturado no Atlântico. Esta combinação irresistível com piripiri é sugestiva para experimentar ou confirmar um grande pitéu ao cair da tarde.

Certo polvo queixava-se da vida que levava. Embora tivesse uma família biologicamente diversificada, nascera polvo e assim vivia, sem nada mais experimentar senão ser polvo. Precisava de tornar pelo menos os seus dias mais picantes. Nem que fosse polvilhar apenas uns minutos por dia… algo que apimentasse a sua monotonia. Pelos vistos, alguém lhe fez a vontade.

 


Receitas

CRIANÇAS NA COZINHA

Chamuças de Polvo em Azeite com Piri-Piri 4 pessoas – 2 latas
Separar 4 folhas de crepe chinês (Spring rol) congelado e cobrir com um pano.
Escorrer as conservas e misturar com 8 colheres de sopa de arroz basmati cozido.
Fazer um refogado com o azeite da conserva, 1 cebola roxa pequena e picada e 1 tomate sem pele. Deixar reduzir até ficar espesso. Pode-se acrescentar caril e mostarda ao refogado se gostar.
Enrolar as chamuças https://www.youtube.com/watch?v=gE9WZzjVGhI e fritar

ADULTOS GOURMET

Risotto de Polvo em Azeite com Piri-Piri – 4 pessoas – 4 latas
Fritar ligeiramente ½ dente de alho e ½ folha de louro em 20 ml de azeite. Acrescentar 250 gr de arroz carnaroli ou arbório e fritar ligeiramente com o lume médio.
Quando pronto, aumentar o lume para o máximo e regar com 50 ml de vinho branco e deixar evaporar por completo.
Adicionar 125 ml de caldo de peixe ou de legume e deixar evaporar. Acrescentar mais caldo e deixar cozer até ficar com a textura desejada. Juntar o polvo, fora do lume, acrescentar cerca de 100 gr de manteiga fria cortada em pedaços para ficar cremoso. Pode-se servir com manjericão fresco ou outra erva aromática.

 

 

Ilustração João Drumond

Texto Eugénio Roda

Receitas Luís Baena