Ovas de Bacalhau em Azeite

Riqueza e felicidade são associadas ao consumo de ovas pelos povos orientais. Podemos crer ou não mas, de uma forma ou de outra, é sempre verdadeira esta relação. Este pitéu enriquece-nos corpo e alma. E podemos repetir o prazer ad eternum, para felicidade nossa!

O azeite era um convencido de primeira e tinha boas razões para isso. Virou-se para o bacalhau e disse-lhe num tom superior: Deves-me mais do que julgas! O que me dás em troca? E o bacalhau respondeu: uma ova!

 


Receitas

CRIANÇAS NA COZINHA

Pastéis ou bolinhos de Ovas de Bacalhau em Azeite 6 pessoas – 3 latas
Cozer 200 gr de batata em água com sal. Numa frigideira refogar 1 cebola pequena bem picada com o azeite da conserva e 1 dente de alho picado. Juntar as ovas de bacalhau desfeitas.
Quando as batatas estiverem prontas, escorre-las e fazer um puré, juntar a mistura anterior e 1 ovo inteiro batido. Pode-se acrescentar salsa picada. Mexer tudo bem e formar os pastéis com duas colheres de sopa. Fritar em óleo a 180ºC.

ADULTOS GOURMET

Tostas aromáticas de pitta com Ovas de Bacalhau em Azeite
Misturar 2 dentes de alho com o azeite das conservas e mais um pouco, se necessário
Cortar o pão em 5 triângulos, coloca-las num tabuleiro e levar ao forno 15’ até ficarem estaladiços e dourados.  Pincelar com o azeite
Polvilhar com tomilho fresco, sal e pimenta. Arrefecer.
Servir com as ovas de bacalhau.

 

 

Ilustração António Modesto

Texto Eugénio Roda

Receitas Luís Baena